8 de nov de 2009

Eu não estou aqui mas estou no prédio...

Essa foi a maior piada/palhaçada que eu ouvi esta semana!

Como já contei por aqui, demitiram 45 pessoas da KGB, que continuam trabalhando mas que só ficarão até o dia 23 de Dezembro ( o povo lá é f...). Tudo bem, talvez se eu estivesse no lugar delas também estaria me lixando para a instituição, para o trabalho e coisas assim, mas acho que essa minha colega de trabalho extrapolou:

A KGB tem juntamente com o IBICT/CNPq um programa de Qualidade de vida em que muitos serviços são prestados, ali mesmo no nosso prédio. São coisas legais como salão de beleza, médico, fisioterapia e outras coisinhas mais. Sempre que dá eu dou uma passadinha lá, mas sempre num esquema rapidex, pra fazer uma unha ou uma depilação express... nada que tome mais que 15 ou 20 minutos do meu horário de trabalho.

Acontece que essa minha colega, mesmo antes de ser demitida, já utilizada milhões de serviços do PQV. E desde que soube que iria ser demitida, resolveu fazer terapia. Então, assim, ela que foi a única a conseguir trabalhar em horário especial ( das 08:30 às 14), todas as quintas-feiras faz terapia das 09:00 às 10:00 da manhã.

Como o meu chefe, que vai se aposentar, agora só trabalha à tarde, ela chega a essa hora e ninguém sente falta! Só nós os pobres mortais, peões que tiveram que ficar com todo o trabalho dela!

Essa semana, na maior cara dura ela vira para a "chefe de Gabinete" da minha Coordenadora e diz:
_ B. olha, eu queria que você avisasse à chefe que às quintas-feiras eu estou fazendo terapia e chego mais tarde...

Ai veio a melhor frase da semana:

_ Eu não estou aqui trabalhando, mas EU ESTOU NO PRÉDIO! Ou seja, meu PONTO ESTÁ OK, mas se precisar é só me ligar!

Como diz a B., MEU ÍNDICE DE OTARIEDADE ANDA ELEVADO, VIU!!!!

Nenhum comentário:

  © Free Blogger Templates Blogger Theme II by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP