25 de mar de 2007

A Caixa de Recordações...

H0je, depois de 3 semanas largada debaixo da minha escrivaninha, resolvi mexer na minha "Caixa de recordações". O intuito era jogar algumas coisas fora, diminuir o tamanho da caixa (que era uma caixa de papel "Chamex"), uma vez que essa mania de fazerem apartamentos pequenos demais não nos deixam opção nem espaço para guardar tudo que um dia foi importante para nós.

Claro que não consegui! Comecei abrindo a caixa e vendo um tanto de cacarecos, uma touca velha de natação, que procurei horrores quando voltei a fazer hidro, um par de tamanquinhos holandeses feitos em porcelana que ganhei do meu pai quando fomos à primeira vez em Holambra , alguns livros que me ajudaram muito na minha Monografia da Graduação, uns disquetes com todos os trabalho da facul e TODAS AS CARTAS QUE EU JÁ RECEBI DE AMIGOS nesses 30 anos de vida...

A touca foi pro lixo, porque tinha uma borracha babada e estava toda amarela, os tamanquinhos também, afinal, não tenho lugar na minha decoração para os tais sapatinhos. Os livros eu não joguei fora é claro, estão ali separados para serem doados à Biblioteca da Universidade, quem sabe não ajuda quem precisa, não é?! Os disquetes tiveram que ir para o lixo, pois não tenho mais acesso à nenhum computador que tenha drive de disquete (Nossa, o quê é a tecnologia, não!!!).

Dai, comecei minha viagem no tempo, abrindo carta por carta, relendo todas as confissões de adolescentes tão felizes que fomos eu e meus amigos... Eram cartas de diversas épocas da minha vida:

1) da minha "Pen friend"da Grécia, numa época em que eu usava o dicionário pra escrever cartinhas em inglês e nem tinha muita coerência nos meus textos... (Será que hoje eu já tenho???). Nós nos correspondemos por uns 4 ou 5 anos, sem nos conhecermos, trocamos fotos e muitas cartas... Nos dias "mudernos" de hoje, ela seria talvez assim como alguns de vocês... uma amiga virtual.

2) Cartas da minha melhor amiga e vizinha, que foi embora para o Chile, no auge da nossa adolescência e que descobriu um mundo todo novo lá fora... e ia me passando em palavras todas suas impressões e ansiedades.

3) Cartas da minha família, de quando eu fiz 15 anos e de quando eu fui para um retiro espiritual da minha escola. (É gente, eu estudei em colégio de freiras e até meus 16 anos participava ativamente de todos os eventos da minha igreja.)

4) Cartas dos namorados, dos que vieram antes e do que virou marido... Engraçado demais ler essas coisas anos depois!!!

5) Cartas das amigas no ano em que morei em Campinas, cartas cheias de novidades, de experiências e de saudades... Cartas com coraçõezinhos e bilhetinhos e bichinhos, cartas de um tempo muito feliz...

Ainda dentro da minha caixa tinha meu convite de formatura e o convite de casamento de várias amigas queridas...

Percebi o quanto o tempo já tinha passado, ví minha foto no convite de formatura e me senti velha, olhando minha cara de menina, esperançosa e iluminada com a conquista. Percebi o quanto o já tinha vivido e como às vezes nem aproveitei tudo que podia...

Já se vão 6 anos desde a formatura, algumas coisas mudaram, tenho uma casa e um marido, tenho contas pra pagar que antes eu não tinha, conhecí alguns poucos lugares do mundo e do Brasil e viví muitos conflitos internos...

Mas concluí que meu caminho não seguiu conforme eu tracei, muitos desvios se fizeram, uns bons outros ruins, mas estou aqui, seguindo... e quem sabe onde mais eu irei... porque como já disse antes, a minha vida tem surpresas, ela teima em não me obedecer, ela tem seu próprio ritmo.

Deu também uma saudade incrível das minhas amigas, aquelas que choraram e riram comigo, e ai eu ví que as amigas mesmo ainda estão aqui, do meu lado, rindo e chorando. Impressionante, mas das tantas cartas que eu tenho, a maioria absoluta são de 5 amigas e todas elas continuam na minha vida, meio longe ou meio perto... mas sempre estão presentes...

O mais legal de tudo isso é perceber, numa noite de domingo, ouvindo o futebol lá da televisão, que, como diria Roberto Carlos no maior estilo brega,"(...) se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi."!!!!!

E vocês, tem caixas de recordações??? Gostam de guardar coisas???

Beijos,

Nenhum comentário:

  © Free Blogger Templates Blogger Theme II by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP