7 de nov de 2011

Buenos Aires #3 - parte II - A ida

Como compramos tudo junto, as passagens de todos estavam num só documento (papelzinho da Gol, pra ser mais específica!) e com isso o check in deveria (tá, poderia, melhor seria...) ser feito com todo mundo junto. E daí já começou a m...!!!!

Nós somos preferenciais, afinal duas crianças, sendo uma de colo, os sogros também, maiores de 65... mas a fila dos preferenciais era a maior do aeroporto! Chegamos antes, amargamos uma fila com duas crianças irritadas e com sono, e os sogros não chegavam nunca... Nossa vez chegou e nada deles, chegaram e foram pro outro lado do aeroporto... (sem comentários!!) Correram, aportaram com malas e cuias na nossa traseira para o desespero de quem já estava na fila há muito tempo...

Saímos de Brasília e o vôo foi tudo bem, chegamos em São Paulo com tempo para um rápido almoço e novamente check in, mas as idas ao banheiro e o "fumar" do meu sogro tomaram tanto tempo que tivemos que engolir uma pizza no Pizza Hut que mal deu pra sentir o gosto... Corre de novo pro embarque e ai, começa a saga!!!!

Todos sabem que em vôos internacionais não é mais possível embarcar com líquidos acima de 30ml... sim, ela também sabia, mas ESQUECEU... Me vinha ela com uma bolsinha de mão, cheia de shampoos, cremes, espuma de barbear, etc... que claro, ficaram ali mesmo no Raio X. Confusão na certa, e foi um bate boca sem fim com o moço do embarque.

Além disso, tem o marca-passo... Sim, ela usa marca-passo e fica tensa/nervosa/stressada cada vez que chega perto de um raio x!!!! Mais chateação com a "revista íntima" e enfim, conseguimos sentar na sala de embarque e esperar o avião... Uma passadinha no Freeshop pra ver os preços e seguimos para "Buzenos Aires" como dizia Gui, incansável na fila do embarque...

A viagem foi boa, as crianças não deram trabalho. Conseguimos nos dividir em duas fileiras de cadeiras e com isso o Gui conseguiu se esticar e dormir boa parte da viagem... A Ciça depois de almoçar um potinho Nestlé de Risotinho de frango, também capotou...

Os inconvenientes da ida foram um pequeno enjôo no Gui, que só percebemos ser realmente enjôo dias depois no City Tour... até então era uma dor de garganta, que só aparecia no pouso e na decolagem... E os infinitos papéis de imigração argentina, que convenhamos é super difícil de preencher com uma criança no colo e outro saltitante ao seu lado!!!!

2 comentários:

Mari Hart disse...

Conheço bem essas filas preferenciais enoooormes! E vou ficar acompanhando o resto da aventura! Sim, pq é aventura né?! rs... andei lendo por aí, sobre Buenos Aires com criancas, provavelmente vc debe ter lido tb né nos blogs maternos né?!

Bjks! Obrigada pelo apoio lá no blog viu!? =)))

Giovanna Cresceu!!! disse...

Nem em pesadelo quero imaginar uma viagem com meu sogro e minha sogra...kkkk. Mas marido adora viajar com meus pais, até em viagens de fim de semana ele pergunta se meus pais querem ir junto...rs.
Eu tô doida pra ir em Buenos Aires, mas marido é viciado em Orlando...só quer ir pra lá e diz que Buenos Aires não tem nada de legal pra Gi...aff. Já mostrei pra ele vários sites com dicas de quem vai pra lá com crianças e sei que um dia eu convencerei ele...rs.
Bjs.

  © Free Blogger Templates Blogger Theme II by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP